domingo, fevereiro 01, 2015

Pará não leva a sério ameaças, diz OAB

Pará não leva a sério ameaças, diz OAB (Foto: Divulgação)
A advocacia está se tornando, cada vez mais, profissão de risco no Pará. De 2011 para cá, nove advogados foram assassinatos em crimes com fortes indícios de execução por encomenda. Outros oito estão em uma lista de ameaçados, segundo levantamento preliminar, feito pela Ordem dos Advogados do Brasil, Secção Pará (OAB/PA) e já entregue às autoridades da área de segurança no Estado.

O caso mais recente ocorreu no sábado, 24, em Manaus no Amazonas. O presidente da subseção da OAB no município de Parauapebas, sul do Estado, Jakson Souza e Silva, foi alvejado por um tiro de escopeta no abdômen. Chegou a ser socorrido e levado para o hospital, mas não resistiu.
O titular da Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros do Amazonas, delegado Ivo Martins confirmou ao DIÁRIO, por meio da assessoria de imprensa, que segue duas linhas de investigação. A primeira é tentativa de assalto, embora os dois homens que usavam uma moto não tenham levado pertencentes do advogado. A Polícia não descarta também uma execução encomendada, “já que a vítima recebia muitas ameaças no Estado onde residia”. O delegado informou que, até o momento, as investigações não apontaram suspeitos. Dez pessoas já foram ouvidas entre amigos de Jakson e testemunhas. 
A possibilidade de uma exceção do presidente da subsecção da Ordem em Parauapebas reacendeu o debate em torno da ação de grupos de pistolagem atuando no Estado. “Há grupos em Marabá, Altamira, Itupiranga, Itaituba, Tomé- Açu”, denuncia o presidente da OAB secção Pará, Jarbas Vasconcelos.
A entidade denuncia também a falta de solução para os crimes e acusa a polícia do Pará de não ter empenho nas investigações, o que já levou o Conselho Nacional da Ordem a aprovar uma denúncia contra o Estado à Comissão Interamericana de Direitos Humanos da Organização dos Estados Americanos (OEA) por conta dos “reiterados casos de violência contra advogados no Pará”. Nesta semana, o assunto deve voltar a ser discutido pelo Conselho Nacional.

CASOS SEM SOLUÇÃO
Um dos casos ainda não solucionados é do advogado Dácio Antônio Gonçalves Cunha. Dácio foi morto em novembro de 2013. O crime ocorreu em frente à casa do advogado no início da noite. Ele esperava a entrega de uma pizza quando foi alvejado por dois homens sem capacete que dispararam e fugiram. “O que a Polícia descobriu? Não sei. A polícia do Pará tem uma estrutura de inteligência muito boa, mas falta determinação, engajamento. Falta levar as investigações até o final”, afirmou na semana passada o Jarbas Vasconcelos em reunião com o atual secretário de segurança do Pará, general Jeannot Jansen. Dácio era vice-presidente da OAB subseção Parauapebas, a mesma que era presidida por Jakson. 
Em janeiro do ano passado, o delegado geral da Polícia Civil do Estado do Pará, Rilmar Firmino Sousa recebeu correspondência da OAB/Pará informando que o então presidente da subseção de Parauapebas estava sob ameaça de morte. O caso havia sido registrado por meio do disque-denúncia da cidade. “O que chamou a atenção foi o fato de que um dos integrantes da famigerada lista [de marcados para morrer], o jornalista Wandernilson Santos da Costa, conhecido como Popó, que era um dos clientes do referido advogado, foi alvejado por dois pistoleiros no dia 13 de janeiro pela manhã, ao sair de sua residência para trabalhar”, detalha a carta enviada ao delegado geral. Popó sobreviveu à tentativa de assassinato.
“Pela gravidade da denúncia e potencialidades da ameaça, a OAB/PA requer a Vossa Excelência que adote todas as providências necessárias à apuração”, pedia a Ordem na correspondência. Na semana passada, Jarbas Vasconcelos desabafou. “No Pará, não apuram ameaça. Não levam a sério”, disse. 

Polícia prende dois bandidos que assaltaram a Itafrigo na madrugada de hoje

A Polícia Militar prendeu dois elementos que praticaram um assalto no supermercado Itafrigo, na madrugada de hoje por volta das duas e meia.

Os assaltantes de Macapá, Anderson da Silva Assunção, 24 anos e Genésio Freitas da Silva, 25 anos, entraram no super-mercado pela parte de trás, na área do açougue, indo direto para o escritório atrás dos cofres. 

A ação foi bem rápida, o que demonstra a perícia da dupla, que quebrou a porta de vidro do escritório, fato que fez com que o vigia ouvisse o movimento, ligando imediatamente para a PM, que agiu rápido.

Durante a ação, conforme mostram as Câmeras de segurança, um dos bandidos usou o telefone celular, o que levanta a suspeita de que ele pode ter conversado com alguém que sabia detalhes do local.

Eles conseguiram abrir os dois cofres com um pé de cabra, mas, no exato momento em que saíam pela porta da frente, o carro da Polícia Militar estava chegando ao local.

Um dos bandidos foi preso imediatamente, enquanto o outro conseguiu pular o muro do prédio da Receita Federal, mas, foi capturado poucos minutos depois.

Os dois foram apresentados ao delegado de plantão, Caio Lobo.

A Polícia Militar recuperou R$ 29 mil nas mãos dos assaltantes, mas, o montante que foi subtraído dos cofres foi bem maior.

Conforme informou Joelson Castro, diretor da Itafrigo, segundo cálculos de seu irmão, Josué Castro, diretor da ITBNET, o valor estimado do que foi levado é de aproximadamente R$ 76 mil, informação que foi passada por Josué para o delegado Caio Lobo

Aliás, todo esse dinheiro era proveniente da ITBNET, empresa que faz parte do mesmo grupo da Itafrigo.

Não está sendo descartado, nem pela polícia, nem pela direção da empresa, o repasse de informação privilegiada para os bandidos, por parte de alguém que conhece em detalhes o dia a dia do supermercado e das outras empresas do grupo que funcionam no mesmo local.

A polícia encontrou em uma casa que os assaltantes havia alugado para servir como base, maçarico e outros itens que seriam usados em outros assaltos que a dupla planejara fazer em Itaituba, incluindo a suspeita de um grande assalto a uma agência bancária.

Com informações passadas para o blog, pelos colegas jornalistas, Valnir Brito (TV Tapajoara) e André Farias (Rede TV)

Redação e edição: blog do Jota Parente

Foto: WhatSaap: Jean Galego

Jovem comete suicídio em Itaituba

Neste sábado, 31, o jovem Magno Alves da Silva de 24 anos de idade cometeu suicídio em sua própria residência localizada 15ª próximo a travessa 15 de agosto.


Segundo informações; Magno teria usado uma corda para tirar sua própria vida. Ainda não se sabe o real motivo de o mesmo ter chegado extremo.

Fonte: blog do Júnior Ribeiro

Dudimar terminou seu mandato; Itaituba e região perdem muito com isso

Dudima, no dia em que prestou contas do seu mandato,
em reunião com profissionais da imprensa,
em Itaituba. (Foto: Jota Parente)
Hoje cumpri o último dia de expediente do mandato parlamentar que orgulhosamente me foi delegado por vocês. Espero tê-lo exercido com a devida e necessária responsabilidade, nos limites de minha capacidade, mental e física.
Agradeço a todos, desde os críticos mais ferrenhos e consequentemente tendenciosos aos mais tolerantes e por conseguinte mais compreensivos. Enfim...valeu por tudo.
Itaituba terá por todo sempre, seu nome registrado na história do parlamento brasileiro. Desculpas pelas faltas de dever de cuidado, pois nós seres humanos, pela nossa própria natureza, somos passíveis de erros, falhas e vícios. Mas devemos tê-los como um ensinamento para não voltarmos a reincidir.
Quero, finalmente, agradecer aos meus familiares: esposa, filhos, irmãos, tios, sobrinhos, etc...agradecer aos verdadeiros amigos, aqueles dos bons e maus momentos. Agradecer aos que me assessoraram. Agradecer a toda classe política: Prefeita Eliene, Governador Jatene, Presidenta Dilma; aos quase ex-colegas deputados federais do Pará; aos deputados estaduais, com maior ênfase ao Hilton, por ser também de Itaituba; aos vereador itaitubenses, pois tenho conhecimento de causa do quanto é árdua essa missão, aqui pedindo licença aos demais pra mencionar o Diomar e o Dadinho, por pertencerem ao PROS, nosso partido.
Que cada um dos amigos e amigas deste grupo leve a quem não tive oportunidade de falar, o agradecimento a esse povo generoso, não só de Itaituba, assim como de todos os municípios paraenses, especialmente os localizados em nossa região.
Que Deus continue iluminando a mente de nossos representantes que assumem a legislatura 2015/2018, especialmente os deputados estaduais Hilton e Eraldo e o deputado federal Chapadinha, sem no entanto esquecer dos compromissos assumidos pelos demais parlamentares.
Obrigado meu Deus!!!
Dudimar Paxiuba.
--------------------------------------
Meu comentário: Caro amigo Dudimar Paxiúba, você cumpriu muito bem o seu papel como deputado federal. Em prejuízo próprio, pelo seu jeito de ser, em algumas oportunidades não foi um bom político, porque preferiu falar a verdade, e verdade e política são duas coisas que não costumam casar muito bem.

Fico muito à vontade para falar desse amigo dileto, porque não vivi batendo em sua porta toda hora durante seu mandato, pois amigos de verdade, muitas vezes, ficam um longo tempo sem se ver, e mesmo assim a amizade e o respeito perduram.

Como você deve saber muito bem, sempre que tive oportunidade, no Jornal do Comércio, no blog do Jota Parente, na Alternativa FM e na TV Tapajoara, nas vezes que nosso amigo comum, Weliton Lima concedeu, que não foram poucas, reiterei seguidamente, que Itaituba só saberia a real importância de ter um deputado federal, se perdesse o seu, você.

Perdemos o nosso deputado federal, perdemos nossa voz, em Brasília, perdemos nossa voz no parlamento federal.

O prejuízo oriundo dessa perda é incalculável, mas,, infelizmente, nosso eleitorado continua se deixando levar por políticos que embora fazendo pouco ou quase nada, conseguem convencê-lo com os ardis da política tradicional brasileira, que costumeiramente dão pouco retorno na execução dos seus mandatos. Mas, isso o povo não leva em conta, porque embora os critique, quando chega na próxima eleição, vota de novo neles.

Meu amigo Dudi, conquanto lamente o fim dessa jornada política, bem vindo ao convívio diário com sua comunidade, com a qual você tem muito a contribuir. Você foi muito elegante no seu texto, pois algumas pessoas citadas, se tivessem compromisso com Itaituba, deveriam ter lutado com todas as forças para que seu mandato fosse renovado, e dessa forma, para que este município e a região pudessem continuar contando com a presença de um deputado federal em Brasília. E nesse meio tem gente que poderia de fato ter contribuído decisivamente para esse propósito.

Obrigado por ter levado o nome de Itaituba tão longe e em tom tão elevado. Sei que sua carreira política não terminou. Outras lutas virão, com possibilidade de vitórias.

Grande abraço


Jota Parente

quinta-feira, janeiro 29, 2015

Falta Tudo na Seminfra


A administração municipal voltou a conviver com protestos da população por causa das ruas. Foi só cair as primeiras chuvas e as ruas um pouco mais afastadas do centro da cidade já estão intrafegáveis, e as manifestações vão se intensificar porque a população já perdeu de vez a paciência.
 A SEMINFRA não tem como resolver esse problema porque a sua situação é falimentar. Na garagem não tem máquinas, faltam caçambas basculantes e às vezes falta até combustível para os veículos.
Resta então torcer para o inverno desse ano  não ser tão rigoroso quanto o do ano passado, mas aí só São Pedro pode dar uma ajudinha diminuindo as chuvas para não aumentar ainda mais a buraqueira nas ruas.
A população, que a cada dia é pressionada com mais  impostos e taxas, tem todo o direito de reclamar e exigir que a sua rua esteja bem limpa e trafegável. É certo que a cidade está em franco crescimento, mas ainda assim, não dá para aceitar que ruas importantes e com grande fluxo de veículos estejam do jeito que estão.
O que está ocorrendo com a maioria das vias públicas da nossa cidade é um atestado da falta de compromisso e de respeito dos  políticos e governantes com a população, pois se pelo menos uma pequena parte dos recursos fossem aplicados corretamente, esses problemas certamente seriam bem menores e não causariam tantos transtornos na vida das pessoas.
Vejamos por exemplo, o caso desse cimento que o município recebe da fabrica Itacimpasa. De acordo com  a própria empresa, todo mês a título de doação, a prefeitura recebe mil e quinhentos sacos de cimentos e mais setecentos metros cúbicos de brita.  
Com esse cimento, segundo cálculos de um engenheiro civil, a prefeitura poderia fazer quatro mil e duzentos metros de meio fio, ou ainda dois mil e quinhentos metros  quadrados de bloquetes para o calçamento das ruas. Isso tudo em apenas em um mês e, sabe desde quando a prefeitura  vem recebendo essa doação?  Desde a época do governo Edilson Botelho, lá na década de 90.
Imaginem se todo esse cimento, mil e quinhentos sacos ao mês, tivesse sido aplicado na construção de meio fio e no calçamento das ruas, será que população estaria passando por esses transtornos? Claro que não, e aí eu volto a bater na tecla da falta de transparência do governo e na conivência dos vereadores que não cobram do gestor municipal.
O que foi feito com tanto cimento? Questionado o vereador Peninha sobre este assunto, ele acenou com a possibilidade de a Câmara votar uma lei que obrigue o governo a aplicar esse material doado pela Itacimpasa na urbanização das ruas.
É esperar pra ver se os vereadores vão ter coragem de aprovar essa lei; e a população que sofre todo inverno com os buracos e os lamaçais que se formam nas ruas deveria acompanhar bem de perto essa proposta e cobrar a sua execução!  

Jornalista Weliton Lima, comentário no Focalizando, quinta, 29/01/14

Agora é pra valer: construção do campus da UFOPA, em Itaituba, vai sair do papel

Foi publicado no Diário Oficial da União desta quinta-feira, o extrato do contrato para a construção do prédio do Campus da UFOPA de Itaituba.
A empresa responsável pela obra é a J.P Engenharia – EIRELI. O prédio terá quatro pavilhões, biblioteca, auditório, laboratórios, gabinetes administrativos, além de salas de aulas.
O valor da obra é de 8 milhões, 973 mil 426 reais e 55 centavos.   O prazo para a conclusão da obra é de 18 meses e a vigência do contrato vai de 26 de janeiro desse ano até 9 de julho de 2016.
A reitora da UFOPA, professora Raimunda Monteiro deve vir a Itaituba nos próximos dias para dar a ordem de serviço para o inicio da construção.

Com informações especialmente para o blog, do jornalista Weliton Lima

Ministério Público ajuizou Ação Cível Pública de Improbidade Administrativa contra a prefeita Eliene Nunes

O Ministério Público Estadual, de Itaituba, através da Promotora Juliana de Pinho Palmeira ajuizou na Justiça uma AÇÃO CÍVEL PÚBLICA DE IMPROBIDADE ADMINISTRATIVA contra Eliene Nunes, Prefeita Municipal de Itaituba.
 
A proposição foi feita pelo MP baseado em depoimentos de funcionários públicos municipais, que tiveram descontados em seus salários pela prefeitura o consignado e não repassou ao Banco BMG/SA. Segundo narração da Promotora em sua ação, um grupo de servidores do município de Itaituba procurou o MP e denunciou a prefeita Eliene Nunes, dizendo que a prefeitura fez convênio com o Banco BMG/S/A, pelo qual os servidores do município receberam um cartão de crédito, sendo que o mínimo da fatura mensal o cartão seria consignado diretamente na folha de pagamento do município e que o titular pagaria a diferença diretamente à rede bancaria.

O ocorre que, mesmo sendo consignado mês a mês da folha de pagamentos dos servidores aquele pagamento mínimo, o valor consignado não estava sendo repassado pela Prefeitura à instituição financeira Banco BMG S/A, que bloqueou o cartão de crédito e inscreveu o nome dos servidores no Serviço de Proteção ao Crédito –SPC.


Na tutela definitiva, o MP pede a concessão da Medida Liminar, para que Eliene Nunes de Oliveira possa responder a presente Ação, seja condenada por ATO DE IMPROBIDADE ADMINISTRATIVA, nos termos do art.12,I da Lei 8.437/96, seja recolhido aos instituições financeiras os valores consignados dos servidores públicos municipais e condenada ao pagamento das custas finais e dos demais ônus da sucumbência que serão convertidos aos cofres estaduais. (blog do Peninha)

Edição e fotos do documento: Jota Parente






Roselito é citado pelo TCE para explicar convênio com a SECULT

 Mais um abacaxi para o ex-prefeito Roselito Soares descascar.

Ele foi citado pelo Tribunal de Contas do Estado (TCE), para apresentar no prazo de quinze dias, razões de justificativas nos autos do processo 2013/50996-9.

Tal processo trata da tomada de contas instaurada na Prefeitura Municipal de Itaituba, quando Roselito era prefeito.

O caso em questão refere-se ao convênio de número 085/2009, celebrado pelo município com a SECULT.

A citação foi publicada no Diário Oficial do Estado do Pará, de segunda-feira, 26 de janeiro0 do corrente ano.

Desembargador Raimundo Holanda Reis assume presidência do TRE


Neste dia 28 de janeiro, os Desembargadores Raimundo Holanda Reis e Célia Regina de Lima Pinheiro assumiram, respectivamente a presidência e vice-presidência do Tribunal Regional Eleitoral do Pará. 

A cerimônia foi realizada no salão plenário do TRE, na Rua João Diogo, 288, na Cidade Velha, Belém, presidida pelo Desembargador Leonardo Tavares, que deixa a presidência da corte eleitoral, após o término de seu mandato. 

Isso não pode

O cara estacionou o carro quase paralelo ao semáforo da Nova de Santana com  13 de Maio. Ligou o pisca de alerta achando aue eatava tudl certo, e foi embora.

Cearense poderá ser o Plano B

Será que o ginásio vai ficar pronto a tempo da Copa Ouro começar?

Primeiro, ainda não se sabe o período de realização da copa, depois, ninguém faz ideia sobre os trabalhos no ginásio, que não tem data para começar.

Nos meios esportivos já se comenta que o ginásio do Cearense poderá ser a opção no caso do ginásio poliesportivo não ficar pronto. E para ficar pronto,  o trabalho de recuperação precisa começar.

Ana e Daniel soltos

Depois de ler tudo aue foi publicado no whatsaap sobre a soltura de Ana Cláudia e Daniel, presos no caso da criança nascida e morta em um motel, conversei há pouco com o delegado regional Jardel Guimarães.

Ele, depois de conversar com o delegado Jose Bezerra, responsável pelo caso, ligou de volta confirmando a soltura dos dois.

O delegado Jardel disse ao blog, que for seguidos todos os trâmites legais, embora a soltura repercuta mal no meio da sociedade.

Como não hoube flagrante e a justiça ainda não decidiu sobre o pedido de decretação da preventiva, os dois tiveram que ser soltos.

quarta-feira, janeiro 28, 2015

Protesto na 25a Rua

Pelo zap o blog ficou sabendo de um protesto de moradores da 25ª  próximo da trav S. José. Motivo deve ser o dos mais recentes: situação calamitosa da rua.

11ª Rua da Floresta foi interditada por moradores

Moradores da 11ª Rua do bairro da Floresta interditaram a via, próximo da Transgalego.

Cansados de pedir para a SEMINFRA uma atenção para o trecho, os moradores se juntaram e colocaram pedaços e árvores e objetos diversos para impedir o tráfego de veículos.

Aliás, poucos  motoristas ainda se aventuravam passar de carro pelo local, porque tem tanto, mas, tanto buraco, que trafegar a mais de 20 km é quase impossível.

O vereador Dadinho Caminhoneiro, que mora no bairro, disse que a SEMINFRA vai transportar piçarra no final desta semana, material que segundo ele será usado para fazer manutenção em algumas ruas do bairro.

O problema é que, apesar do esforço vereador, parece que seus pedidos não estão sendo atendidos, porque os problemas pululam por todo o bairro.

A Transgalego, uma das vias mais importantes da cidade, que corta os bairros da Floresta, Liberdade e São Francisco, tem pontos críticos, que poderão cortar no inverno.

Os vereadores Dadinho e Orismar foram alertados muitas vezes desses problemas, mas, nada foi feito.

Ou eles não ligaram para os pedidos, ou não estão sendo atendidos pelo governo do qual fazem parte.

Criança respirou antes de ser sufocada

A perícia do Instituto Médico Legal concluiu que a criança que nasceu em um motel da cidade, foi sufocada.

Disse o perito entrevistado pelo Focalizando, que não foi possível detectar, por causa do estado de decomposição do corpo, se ela foi sufocada por alguém, ou se foi pela terra que foi colocada em cima no ato de tentar enterrá-la.

Outro fato revelado pelo IMl diz respeito ao tempo de formação da criança,

A mãe disse que era um feto de cerca de quatro meses. Já o IML atestou no laudo pericial, que se tratava de uma criança entre oito e nove meses, que nasceu e respirou normalmente.

Ana Cláudia, a mãe que se encontra presa pelo crime que repercutiu até fora de Itaituba, incrimina cada vez mais Daniel, que foi preso pouco depois dela.

Segundo Ana Cláudia, quando Daniel saiu do quarto do motel com a criança, ela estava respirando.


Ele, que negou tudo após ser preso, está tendo sua situação cada vez mais complicada. 

Crise: hotéis do Rio tem 40% de apartamentos vagos

O último balanço da Associação Brasileira da Indústria de Hotéis do Rio de Janeiro mostra que quase 40% dos quartos ainda estão vazios para o Carnaval.

Os dados são das reservas feitas até o dia 18 de janeiro. Em 2014, com a mesma antecedência, a taxa de ocupação era de mais de 65%.

Alega-se a isso o fator crise, que o país vive.

Prefeitura de Porto Velho decreta estado oficial de alerta devido à cheia

Defesa Civil começou a executar ações de prevenção contra a enchente.
Rio Madeira está em 15,28 m; marca era 15,15 m no mesmo dia, em 2014.


Rio Madeira RO (Foto: Ísis Capistrano/ G1)
G1 - A prefeitura de Porto Velho decretou oficialmente estado de alerta para uma possível cheia no município. Nesta terça-feira (27), o Rio Madeira atingiu a marca de 15,28 metros, de acordo com medição da Companhia de Pesquisa de Recursos Minerais (CPRM). Em 2014, quando ocorreu a cheia histórica, na mesma data, o nível registrado foi 15,15 metros. Ações de prevenção contra os efeitos da enchente já começaram a ser executadas, segundo a Defesa Civil.
Também foi iniciado um trabalho de conscientização das famílias passíveis de serem atingidas para que deixem as casas o quanto antes. A Defesa Civil está oferecendo auxílio com logística de mudança ou na realocação dos possíveis desabrigados, que não tenham onde se hospedar. O número 199, exclusivo para atender demandas da cheia, já está disponível.
Segundo a prefeitura, as iniciativas de prevenções tiveram início desde a constatação, há cerca de duas semanas, de que a cota do Rio Madeira no distrito de Abunã já estava dois metros acima do registrado no ano passado, quando as águas atingiram o pico máximo de 19,74 metros. Famílias de Abunã, Fortaleza do Abunã e Jacy-Paraná já foram cadastradas como possíveis atingidos, e na capital, famílias do Beco do Gravatal, no bairro Nacional, já estão sendo realocadas.
Conforme a Secretaria Municipal de Programas Especiais e Defesa Civil (Sempedec), os possíveis desabrigados não ficarão em escolas, para não prejudicar o ano letivo, e o Abrigo Único, montado no Parque dos Tanques em Porto Velho já está em fase de desativação. "Não estamos falando em barracas", enfatizou o secretário-adjunto da pasta, José Pimentel. A secretaria está elaborando um projeto e providenciando uma licitação para alugar imóveis para as famílias que não tiverem para onde ir.
Imagem área da BR-364, sentido Acre (Foto: Sérgio Vale/Secom Acre)BRs 364 e 425
Ainda segundo a Sempedec, a pasta realizou uma viagem junto com hidrólogos do Centro Nacional de Alerta e Monitoramento de Desastres Naturais (Cemaden), na última sexta-feira (23), para mapear demandas do que pode acontecer nas BRs 364 e 425, que dão acesso ao município de Guajará-Mirim (RO) e ao estado do Acre, que ficaram totalmente isolados no ano passado, devido à cheia dos rios Madeira e Mamoré.
Durante a viagem, foram detectados pontos que podem ficar alagados e que devem ser sinalizados e balizados com antecedência. Segundo a Defesa Civil, falta um metro para a cidade de Guajará-Mirim decretar estado de alerta, já que o Rio Mamoré transborda na cota de 13 metros. Para a BR-425, a Defesa Civil considera três pontos que podem ficar submersos: nas localidades de Misericórdia, Ribeirão e Araras, que ficaram inacessíveis ano passado.
Já os pontos sensíveis da BR-364 estão localizados próximos ao distrito de Jacy-Paraná, Mutum-Paraná, que ficou submerso por aproximadamente 14 quilômetros de extensão, e Abunã. "O primeiro trecho que pode ser inundado, de acordo com o Cemaden, é a área próxima da antiga Mutum-Paraná. Há uma previsão de aproximadamente 10 dias para que isso ocorra", explicou Pimentel.
A BR-364 também está sendo monitorada pela Polícia Rodoviária Federal. Uma régua foi instalada no quilômetro 471 da estrada, trecho que ficou completamente alagado em março 2014, isolando completamente o Acre. Segundo a medição dessa segunda-feira (26), faltam apenas 52 centímetros para o Rio Madeira chegar à estrada. Na medição anterior, em 17 de janeiro, a marca registrava 1,20 metro. Entre 6 e 9 de janeiro, a água estava distante 1,10 metro da via; já no dia 12, o rio estava a 1,30 metro de distância. De acordo com a PRF, a partir da marcação de 0,50 metro, a situação será considerada crítica e a corporação trabalhará em estado de alerta.

Aperto: Dilma pede a ministros austeridade nos gastos e ações de combate à corrupção

Presidenta Dilma Rousseff faz a primeira reunião ministerial do segundo mandato na Granja do Torto (José Cruz/Agência Brasil)
Agência Brasil - Na primeira reunião com todos os ministros em seu segundo mandato, a presidenta Dilma Rousseff pediu ontem (27) austeridade nos gastos e ações para combater a corrupção no governo. “Todos vocês devem atuar sempre orientados pelo compromisso com a correção e a lisura. Espero que enfrentem com firmeza todo e qualquer indício de mau uso do dinheiro público nas áreas sob seu comando.”

Com o corte de orçamento dos ministérios, a recomendação da presidenta é que, mesmo com menos recursos, os ministros deem andamento aos projetos de suas pastas. “As restrições exigirão mais eficiência nos gastos, tarefa que – estou certa – todos executarão com excelência. Vamos fazer mais gastando menos”, disse.

A presidenta informou que enviará ao Congresso Nacional no próximo mês propostas para aperfeiçoar o processo de combate à corrupção, conforme promessa de campanha, “Defendemos um pacto nacional contra a corrupção que envolve todas as esferas de governo, de poder, tanto no ambiente público como no privado. Seremos implacáveis no combate aos corruptores e aos corruptos.”

Dilma acrescentou que o governo estimulará o debate sobre reforma política ainda no primeiro semestre deste ano. Ela recomendou que os ministros reajam a boatos e levem a posição do governo à opinião pública. “Sejam claros e precisos e se façam entender. Não podemos deixar dúvidas”, ressaltou.

MPF contesta Funai e insiste na demarcação de terra indígena em Itaituba

Território será alagado em caso de construção da usina hidrelétrica São Luiz do Tapajós


O Ministério Público Federal apresentou contestação ao Tribunal Regional Federal da 1a Região, em Brasília, para que a Fundação Nacional do Índio seja obrigada a dar prosseguimento ao processo de demarcação da Terra Indígena Sawré Muybu, dos índios Munduruku, em Itaituba, Oeste do Pará. O território será alagado em caso de construção da usina hidrelétrica São Luiz do Tapajós e o reconhecimento dele é crucial para que os direitos dos índios sejam reconhecidos no licenciamento da barragem.

O MPF havia obtido, na Justiça Federal de Itaituba, uma liminar obrigando a Funai a dar prosseguimento à demarcação, mas o TRF1 concedeu efeito suspensivo (uma suspensão temporária até o julgamento dos recursos), paralisando novamente o procedimento, que já ultrapassou a fase mais custosa, que é o trabalho de identificação e delimitação. A próxima etapa deveria ser a publicação do Relatório Circunstanciado de Identificação e Delimitação (RCID), um passo procedimental sem custos significativos para o governo.

Mesmo assim, a Funai alegou, para pedir a suspensão, que não poderia prosseguir a demarcação por questões de planejamento e custos. Para o MPF, o argumento não se sustenta. “Ao contrário, economia maior se realizaria se houvesse a efetiva assinatura e publicação do RCID. Afinal, grandes gastos de recursos públicos já ocorreram na contratação e manutenção dos trabalhos do Grupo Técnico (que fez os levantamentos de campo que resultaram no relatório). Publicar o resultado deste trabalho não implica gasto público. Em outras palavras, não publicar o RCID representa elevados gastos públicos”, diz o recurso assinado pelos procuradores Janaina Souza e Camões Boaventura.

Fonte: Ascom/MFP

MPF recorre contra soltura de integrantes da maior quadrilha de desmatadores da Amazônia

Desmatadores haviam sido presos em 2014 durante a operação Castanheira

O Ministério Público Federal (MPF) ajuizou na última quinta-feira, 22 de janeiro, recurso contra a revogação dos mandados de prisão preventiva contra líderes da quadrilha de desmatadores desbaratada pela operação Castanheira em agosto de 2014 na região de Novo Progresso, no sudoeste do Pará.

Além de recorrer contra a revogação do mandado de prisão dos líderes da quadrilha, desde a realização da operação Castanheira o MPF já recorreu contra a soltura de nove presos integrantes da quadrilha que tiveram resposta positiva da Justiça Federal a seus pedidos de habeas corpus.

Segundo os organizadores da operação Castanheira, realizada pelo MPF, Polícia Federal, Receita Federal e Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama), o grupo alvo da operação Castanheira formava a maior quadrilha de desmatamento da Amazônia.

A área da rodovia BR-163, onde a quadrilha atuava, concentrava cerca de 10% de todo o desmatamento da Amazônia nos últimos dois anos. No final de agosto, quando a quadrilha foi pega, a taxa de desmatamento semanal era de mais de 3,4 mil hectares. Na primeira semana de setembro, o Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe) registrou desmatamento zero.

De acordo com a investigação, pelo menos 15,5 mil hectares foram desmatados pela quadrilha, resultando em um prejuízo ambiental equivalente a R$ 500 milhões, no mínimo.

UFOPA divulga resultado do Processo Seletivo Regular 2015

Com o maior número de inscritos desde sua criação, este ano a Universidade Federal do Oeste do Pará recebeu 18.447 candidatos inscritos no Processo Seletivo Regular 2015. Deste número, 94,84% são do Pará (17.496) e, destes, 73,56% são do Oeste do Pará (13.565). Outros municípios como Oriximiná e Óbidos também tiveram inscritos no Processo, quantificando 320 e 280 inscrições respectivamente. A novidade foi a participação de 104 candidatos com deficiência concorrendo em vagas exclusivas.

Estamos festejando, junto com os aprovados e suas famílias, o ingresso em uma universidade pública. Estamos recebendo nossos alunos na data prevista no edital por um processo seletivo que teve uma concorrência recorde. Mais de 18 mil inscritos revela a visibilidade positiva da Instituição. Comemoramos também a oferta do primeiro curso fora da sede: Pedagogia em Óbidos, além do Bacharelado Interdisciplinar em Ciências Biológicas e Conservação em Oriximiná a fim de atender à demanda desses câmpus. Calouros 2015, sejam bem-vindos à UFOPA”, comemora a reitora, Raimunda Monteiro.

Em relação às vagas preenchidas para esta primeira chamada, 1.214 candidatos são convocados e, dentre estes, 681 são do Oeste do Pará, 886 são de escola pública e 23 são candidatos das vagas destinadas às pessoas com deficiência (PcD).

Os cursos mais concorridos foram: Direito, com 2.988 candidatos inscritos; Farmácia, com 1.605; Pedagogia, com 1.439; Bacharelado Interdisciplinar em Ciências Agrárias/Recursos Florestais, com 1.123; e Ciência da Computação, com 1.068. Considerando que a maior nota de corte foi a do curso de Direito: 737.98 e a menor, foi do curso de Pedagogia – Óbidos: 576.7.

terça-feira, janeiro 27, 2015

Copa Ouro ainda indefinida, mas, é possível que aconteça

A última conversa entre a direção da TV Tapajoara e as equipes, aconteceu ainda em 2014, mas, todos estão animados com a possibilidade de haver Copa Ouro em 2015.

Se tiver, será com mudanças, pois como estava não dá para continuar, pois as equipes foram encarecendo seus elencos até um ponto que não havia como continua bancando jogadores cada vez mais caros.

Semana passada, a reportagem do blog ouviu de Helder Gomes, comandante do Hay, que essa equipe tradicional não fará loucuras. Vai trabalhar com pés no chão, fugindo de leilões. Será estabelecido um teto, que segundo ele, não será ultrapassado.

De acordo com o pensamento de Helder, esse deve ser o futuro da Copa Ouro, sob pena de que ela possa não continuar.

Uma questão que causa preocupação é o trabalho de recuperação do ginásio poliesportivo.

Mulher que matou e enterrou seu filho recém nascido em Itaituba e presa pela Policia Militar.

Foi presa em Itaituba, oeste do estado; Ana Claudia Deumont Pereira de 21 anos de idade, ela seria a mãe "desnaturada" que enterrou seu próprio filho em um monte de areia na 30ª Rua do Bairro Santo Antônio.

Segundo informações uma denuncia foi feita para o plantão do Conselho Tutelar dando o paradeiro de Ana Claudia, que estaria em um bar da cidade. A policia Militar foi acionada e confirmou a informação e prendeu a mãe (assassina) que teria confessado o crime. A mesma foi presa por volta das 12h30min da madrugada de segunda, 26, para terça, 27, e conduzida para delegacia de policia. Relatos ainda não confirmados é de que ela teria tido a criança em um quarto de motel da cidade e juntamente com seu parceiro teria enterrado a criança nas proximidades.  Agora a Policia esta a procura do companheiro da jovem.

O corpo de um recém nascido foi encontrado na manhã deste sábado, 24, em monte de areia na 30ª Rua do Bairro Santo Antonio nas proximidades de um motel. A movimentação de abutres (urubus) na rua chamou atenção de populares que foram verificar o que estava acontecendo e se surpreenderam ao ver o que estava servindo de alimento para os abutres. Tratava-se de um corpo de um recém nascido que fora enterrado no local, mas foi descoberto pelos urubus que já tinha comido grande parte do corpo da criança.  Ainda não se sabe realmente o que aconteceu? Como aconteceu e quem jogou o corpo no local? A policia foi chamada e os peritos do (IML) estiveram no local para recolher os restos mortais da criança. A policia Civil já esta investigando o caso.

Fonte: Texto 
Foto: Repórter Yokim Paranatinga (BAND-ITB) 
Extraído do blog do Jr. Ribeiro

segunda-feira, janeiro 26, 2015

MPF processa ex-prefeito (de Placas) que não atendeu a pedido de informações

Ex-gestor municipal de Placas Maxweel Brandão também é acusado de extraviar documentos públicos

O Ministério Público Federal (MPF) entrou na Justiça com ação por improbidade administrativa contra o ex-prefeito de Placas, no oeste do Pará, Maxweel Rodrigues Brandão. O ex-prefeito é acusado de não atender pedido do MPF de apresentação de documentos sobre licitação feita com R$ 281 mil em recursos federais repassados ao município.

O MPF também acusa Brandão do extravio extravio dos documentos públicos que deveriam ter continuado na prefeitura após o término de sua gestão como prefeito, que foi concluída em dezembro de 2012.

Se condenado, o ex-prefeito pode ter que ressarcir os cofres públicos, pode ter seus direitos políticos suspensos de três a cinco anos, pode perder a função pública que eventualmente esteja ocupando e pode ser obrigado ao pagamento de multa de até cem vezes o valor da remuneração recebida como prefeito. 

Além disso, Brandão está sujeito a ficar proibido de contratar com o poder público ou receber benefícios ou incentivos fiscais ou creditícios, direta ou indiretamente, pelo prazo de três anos.

Má-fé - O pedido de documentação ao prefeito foi feito pelo MPF em março de 2012. Foram solicitados todos os documentos referentes a contratos no valor de R$ 281 mil em verbas federais para o transporte escolar.

O então prefeito respondeu ao pedido do MPF apresentando apenas parte dos documentos, “com evidente má-fé e desacompanhado de quaisquer justificativas”, relata a ação assinada pelo procurador da República Rafael Klautau Borba Costa.

Em 2013 o MPF voltou a requisitar a documentação, mas a nova gestão da prefeitura de Placas informou que todos os documentos relativos a licitações haviam sido extraviados pelo ex-prefeito.

“É forçoso convir que agiu o requerido imbuído do propósito de, violando a lei, causar prejuízo à Administração Pública, inviabilizando qualquer apuração sobre os fatos ocorridos durante sua gestão”, destaca o procurador da República no texto da ação, que também ressalta que o poder de requisição dos membros do Ministério Público possui respaldo legal e constitucional, revelando-se irrecusável o seu cumprimento, sob pena de responsabilização.

Parentinho volta às aulas

A escola Polegar.deu início ao.seu ano.letivo na tarde de hoje.

Parentinho curtiu bem as férias,  mas voltou contente por rever os coleguinhas, agora da segunda série.

25ª, mais uma rua que os moradores interditam

Mesmo demonstrando medo não se sabe de que, porque não quiseram mostrar a cara, moradores do trecho da 25ª Rua, Bela Vista, interditaram o trecho compreendido entre as travessas São José e Raimundo Preto.

O trânsito no local foi impedido com a colocação de pneus, permitindo apenas a passagem de motos e bicicletas.

Ao serem abordados, os moradores preferiram manter o anonimato, temendo algum de tipo de represália, o que não parece ser o caso.

O citado trecho está mesmo muito esburacado, não sendo mais possível desviar, pois, o motorista sai de um e cai no outro.

O pessoal espera que SEMINFRA dê uma olhada na situação.

Destaques dos principais jornais do país

26 de janeiro de 2015
O Globo

Manchete : Estado vai cortar mais R$ 2,7 bi do Orçamento
Redução em custeio atingirá até pastas de Educação, Saúde e Segurança

Governo já havia anunciado no início do ano contenção de R$ 1,5 bi em todas as secretarias, motivada pela queda de arrecadação e repasses dos royalties de petróleo. Transferências para municípios também encolherão R$ 1,1 bi

O governo do estado cortará mais R$ 2,7 bilhões do Orçamento, além da redução de R$ 1,5 bilhão que já havia sido anunciada no início do ano, após a posse do governador Luiz Fernando Pezão, informa Clarice Spitz. O contingenciamento, motivado pela queda da arrecadação e dos repasses dos royalties do petróleo, atingirá todas as secretarias, mesmo as de setores considerados prioritários, como Educação, Saúde e Segurança. As transferências para os municípios também encolherão R$ 1,1 bilhão. O secretário estadual de Fazenda, Sérgio Ruy Barbosa, disse que a arrecadação com ICMS ano passado ficou em R$ 31,4 bilhões, abaixo dos R$ 34 bilhões previstos. Foi o pior resultado desde a crise internacional de 2008. (Pág. 7)

Secretário aposta em parcerias para saneamento e mobilidade (Pág. 15)

Ajuste dominará pauta da primeira reunião ministerial de Dilma (Pág. 5)

Empreiteiras ameaçam a Petrobras
Presos na Operação Lava-Jato, executivos de empreiteiras sinalizam intenção de delatar chantagens de diretores da Petrobras para o pagamento de propina. O advogado Alberto Toron diz que e-mail pode provar a coação dentro da estatal e que “funcionários da Petrobras não podem ser tratados como anjinhos”. (Pág. 3)

Governo desfalca agências federais
Criadas para fiscalizar vários setores, cinco das dez agências reguladoras do governo federal estão com diretores interinos e diversos cargos vagos. As agências nacionais de Saúde e de Transportes estão entre as mais afetadas. (Pág. 6)

Repórter argentino se refugia em Israel
O primeiro jornalista a noticiar a morte do promotor Alberto Nisman fugiu para Israel após sofrer ameaças. O governo argentino postou no Twitter todos os dados de viagem do repórter . (Pág. 23)

Ricardo Noblat
O apagão de Dilma

Alto lá! Não culpem Levy por pensar como pensa e agir com coerência. Ele não mercadejou o próprio passe. Estava em sossego como executivo bem pago do Bradesco. Fez à presidente Dilma Rousseff o favor de aceitar o convite para ser ministro da Fazenda, ganhando menos do que ganhava. E para quê? Para virar saco de pancada dos supostos aliados de Dilma? E sem que ela o defenda? Por que não batem nela? (Pág. 2)


George Vidor
Só falta chover

Bastaram poucas semanas de política econômica no rumo certo para o horizonte desanuviar (Pág. 18)


Editorial
Tema em discussão : Hidrelétricas na Amazônia

Da água para o vinho

Os projetos de construção de novas hidrelétricas na região buscam não repetir erros do passado (Pág. 14)


------------------------------------------------------------------------------------
Zero Hora

Kiss, dois anos depois
Sobreviventes desistem de acompanhamento médico (Notícias | 20 e 21)
Cristina está cada vez mais isolada (Notícias | 12)

------------------------------------------------------------------------------------
Brasil Econômico

Manchete : "O setor elétrico perdeu suas linhas de defesa"
O esvaziamento dos reservatórios e a falta de manutenção no sistema de transmissão são apontados pelo consultor Mario Veiga como o pano de fundo para o apagão que atingiu dez estados e o Distrito Federal há uma semana. Presidente da PSR, empresa que desenvolve modelos computacionais para o setor elétrico, Veiga foi um dos primeiros a sugerir, ainda no ano passado, medidas de racionalização do consumo de energia. Para ele, está na hora de levar o realismo fiscal e tarifário adotado pelo governo para a questão energética. Mas lamenta que, na cabeça dos políticos, admitir a escassez seja um problema. “Considero isso quase uma ofensa à maturidade da população brasileira”. (Págs. 4 a 7

Moody’s vê mais risco na Caixa
Relatório da agência mostra que juros mais altos no crédito imobiliário e consignado ajudarão o banco a recompor margem. Mas os riscos de qualidade de ativos continuam elevados. (Pág. 18)

País pode ganhar mais 43 partidos 

Maioria das siglas que está em processo de coleta de assinaturas se encaixa no espectro ideológico de direita conservadora ou liberal. (Pág. 3)

IPCA-15 tem forte aceleração 
Alta de 0,89% na prévia da inflação revelou o peso das carnes sobre o aumento dos preços dos alimentos e o reajuste da energia. No acumulado dos 12 meses, índice chegou a 6,69%, acima do registrado no ano passado. (Pág. 8)

Planalto entra na questão da falta d’água em São Paulo e Rio 
Obra de transposição é incluída no PAC e governo fará campanha contra desperdício. (Pág. 9)

Mosaico Político
Gilberto Nascimento

AS CICATRIZES DA DISPUTA

Ao que tudo indica, a disputa pela Presidência da Câmara dos Deputados será acirrada e seu resultado parece cada vez mais incerto, depois de um favoritismo inicial do líder do PMDB, Eduardo Cunha (RJ). (Pág. 2)

O mercado como ele é...
Luiz Sérgio Guimarães

AS ÁGUAS AUSTERAS DE MARÇO

O mercado financeiro conta os dias para a chegada das águas de março. Janeiro termina esta semana e se não chover nos próximos dois meses o suficiente para recompor o nível dos reservatórios, pode se concretizar a ameaça de um racionamento de energia elétrica. (Pág. 19)


Ponto Final
Octávio Costa

JOAQUIM LEVY NA MIRA DO PT

O ministro da Fazenda, Joaquim Levy, fez e aconteceu na semana passada no Fórum Econômico Mundial, em Davos, na Suíça. Na primeira intervenção, advertiu que a economia brasileira crescerá muito pouco este ano e chegou a prever recessão. Sua assessoria, porém, apressou-se em corrigir a previsão, explicando que a recessão só se configura depois de três meses seguidos de crescimento negativo. (Pág. 32)

------------------------------------------------------------------------------------
Folha de S. Paulo

Manchete : Grécia rejeita austeridade e elege partido de esquerda
O partido de extrema esquerda Syriza, contrário às medidas de austeridade na Grécia, venceu neste domingo (25) as eleições legislativas no país, relata Leandro Colon, enviado a Atenas. Com 70% dos votos apurados, o Syriza conquistara 149 das 300 cadeiras do Parlamento, o bastante para tornar Alexis Tsipras, 40, primeiro-ministro. (...) O resultado configura um marco na história do país: em quase 200 anos de existência do Estado moderno grego, um partido de esquerda vai assumir o poder pela primeira vez. (Mundo a 8)

Nova regra para benefícios foi planejada antes da eleição
As regras que endureceram a concessão de benefícios trabalhistas e previdenciários, anunciadas em dezembro, foram decididas pela gestão Dilma antes da eleição. Na campanha, o PT prometeu não tomar medidas contrárias ao trabalhador. Segundo integrante do governo, a mudança foi definida no meio de 2014. Em agosto, a previsão do gasto com o abono salarial para 201 5 foi cortada em R$ 9 bi. O Planalto não se manifestou. (Poder a 4)

Incra muda de posição e rejeita revisar índice de produtividade (Poder A7)

Lotação nos hospitais faz crescer internação em casa
Em dois anos , o número de empresas que prestam atendimento hospitalar em casa, o chamado “home care”, subiu de 78 para 239, segundo dados da Anahp (associação de hospitais privados) e do Ministério da Saúde. A atenção domiciliar também cresceu no SUS. Em 2012, eram 184 equipes para atender doentes em casa, hoje são 7 94. Entre as causas do aumento estão lotação nos hospitais e envelhecimento populacional. (Cotidiano d1)

Sistema elétrico está em situação dramática, diz especialista
Claudio Sales, presidente do Instituto Acende Brasil, afirma que “o sistema elétrico no país está numa situação dramática”. Segundo Sales, para maximizar o uso, “os operadores só fazem a manutenção das usinas quando estão prestes a perder a garantia”. O especialista diz que é grande a chance de que apagões voltem a acontecer. “Nos últimos três anos, os recordes de demanda foram em fevereiro.” (Mercado B4)

Mulheres com plano de saúde buscam SUS para parto normal (Saúde D5)

É difícil atribuir ao aquecimento global seca como a do Sudeste
ENTREVISTA DA 2ª - Carlos Nobre

O climatologista Carlos Nobre, secretário do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação, diz que o Sudeste brasileiro tem condições meteorológicas que proporcionam baixa previsibilidade para secas e chuvas. Para ele, é difícil atribuir ao aquecimento global secas como as que atingem a região, mesmo após o calor de 2014 ter sido recorde. (Pág. 12)


Medidas do BC europeu podem enfraquecer euro e baratear viagens (FolhaInvest B1)

Vinicius Mota
Dilma e Alckmin patrocinaram uma grande farsa

Quem votou em Dilma sem saber elegeu Joaquim Levy. Quem marcou o 45 de Alckmin levou Jerson Kelman. Levy e Kelman são a síntese da eleição de 2014. Trazem para os respectivos governos o desmentido cabal das mensagens falsas veiculadas pelos vitoriosos durante a campanha eleitoral.