segunda-feira, dezembro 16, 2013

Vereadores não atenderam à 'convocação'

Deveria ter acontecido na tarde de hoje, um encontro entre as entidades que estão articulando a criação de um fórum da sociedade itaitubense e os vereadores. Mas, não houve.

A Câmara Municipal enviou comunicado para a CDL, entidade que lidera o movimento, informando que não estaria presente.

A razão, segundo explicou o presidente da Casa de Leis, vereador Wescley Tomaz, foi o tom do ofício enviado pelas entidades, em papel timbrado da CDL.

Em vez de convidar, o documento exigia a presença dos edis, uma vez que está escrito a palavra  CONVOCA, na cópia que o blog teve acesso.

Na pauta da reunião há outro ponto que também não foi do agrado dos vereadores, pois cita que uma das exigência das entidades é a prestação de contas da Câmara.

Dependendo do tipo de prestação de contas que estavam exigindo, também foi uma colocação equivocada. Se for prestação de contas do que a Câmara recebe de repasses da Prefeitura, o órgão adequado especializado para cuidar disso é o Tribunal de Contas dos Municípios.

A Câmara discutiu o assunto em uma reunião com ata e tudo, tendo decidido que não iria, pois a Casa sentiu-se desrespeitada por essas citações.
---------------------------------------------------
Comentário do blog: Não sei de quem partiu a iniciativa de redigir o tal ofício enviado para a Câmara. Seja quem quer que tenha sido o autor, mesmo que tenha sido o colegiado das entidades, foi muito infeliz o que foi colocado no documento.

As entidades tem todo o direito de convidar os senhores vereadores para uma reunião na qual se discutam assuntos de interesse do município. Essa é uma situação absolutamente plausível dentro de uma sociedade democrática. Outra coisa completamente diferente, e descabida é convocar a Câmara, que é um poder constituído.

Houve excesso na formulação do ofício, e se houver humildade, as entidades deverão reconhecer isso publicamente.

Tenho sido um crítico severo da presente Câmara Municipal , mas, com a liberdade que tenho para emitir minhas opiniões, tenho que reconhecer que as entidades erraram feio na dose, pois a palavra convocação ficou totalmente fora de propósito.

Já me referi a respeito da importância deste momento, quando a sociedade, através dessas entidades, parece ter acordado da letargia de muitos anos. Devemos estimular esse comportamento, pois, se o Poder Executivo e o Poder Legislativo não estão, nem de longe, correspondendo aos anseios da população, é mais do que justo que se cobre deles. Entretanto, respeito é bom e cabe em qualquer lugar. E nesse caso, houve uma flagrante falta de respeito para com um dos poderes constituídos.

Se as entidades convidarem, em vez de convocar os vereadores para uma reunião, não haverá justificativa aceitável para que eles se neguem a ir, pois se assim o fizerem, eles terão que dar boas explicações para nós todos, que os elegemos.